Osteomielite: O que é, quais as causas e forma de tratamento


A osteomielite não tem cura! É uma doença que afeta diretamente os ossos e outros tecidos do corpo e que tem origem infecciosa através de fungos ou bactéria. Ela pode ser local ou se locomover através da corrente sanguínea, danificando várias partes do corpo. Apesar de não ter uma cura, existem tratamentos para a doença que inibem os sintomas negativos que pode causar.

Resume-se a uma infecção no osso que se não for tratada da forma correta pode causar fraturas e até mesmo o amputamento de um membro. Em alguns casos ela infecta o paciente e por um período desaparece.

É importante salientar que assim que os sintomas do problema aparecerem um especialista precisará ser consultado para evitar complicações e desconfortos consideráveis causados pelo problema.

Outro fator importante é evitar tomar qualquer medicamento por conta próprio. A osteomielite é uma doença séria que precisa de acompanhamento.

O que causa osteomielite?

A maioria dos casos dessa doença é causada pela infecção através da bactéria Staphylococcus que está presente na pele ou no nariz do indivíduo, no entanto, a osteomielite também pode ser causada pela ação de fungos e vírus que podem chegar aos ossos de várias formas diferentes. Entre essas formas de contaminação estão:

Infecção próxima à área infectada

As bactérias presentes em uma infecção no corpo podem se transportar para um osso que está próximo. Isso faz com que a osteomielite surja.


Circulação sanguínea

Através da corrente sanguínea as bactérias que causam pneumonia e infecção urinária, por exemplo, podem percorrer outras partes do corpo se alojando em pontos enfraquecidos dos ossos.

Contaminação de forma direta

Essa forma de contração é feita quando o paciente sofre alguma fratura exposta, quebrando um osso ou também no caso de cirurgias – que são um risco grande de infecção bacteriana.

Quais são os riscos da osteomielite?

Essa doença, apesar de danificar mais os ossos longos dos membros e os ossos da coluna vertebral pode causar danos a qualquer osso do corpo humano. Quando a infecção acontece é comum que a medula óssea seja atingida, ficando inflamada.

Essa inflamação causa uma pressão contra a parede exterior rígida do osso, podendo fazer com que os vasos sanguíneos da medula se comprimam, inibindo a ponto de interromper o fornecimento de sangue ao osso.

Quando ocorre essa interrupção, o osso vai se fragilizando e morre. Em outros casos a infecção danifica a parte de fora do osso, formando crostas de pus nos tecidos moles, como os músculos.

Quais são os fatores de risco da doença?

Quando a osteomielite aparece, é sinal que algo está levando infecção para o osso. Existem várias doenças capazes de causá-la.

Observe algumas a seguir:

  • Doenças que afetam a circulação sanguínea: Como doença arterial periférica, diabetes, ou doenças que tenham a ver com o uso de cigarro, como a doença falciforme;
  • Doenças que prejudicam o sistema imunológico: Não só as doenças mas os medicamentos utilizados que podem afetar a imunidade do indivíduo, entres eles estão o transplante de órgão, a quimioterapia e a diabetes;
  • Doenças que precisam da utilização de cateter ou linhas intravenosas: Condições que exigem a tubagem médica podem expor o paciente à infecção por meio de bactérias e consequentemente à osteomielite.
  • Uso de drogas ilícitas: Por serem utilizadas muitas vezes através de agulhas, o uso de drogas leva o indivíduo ao risco do desenvolvimento da osteomielite.
  • Lesão no osso ou cirurgia: Como dito anteriormente esses dois fatores propiciam a infecção do osso.

Osteomielite pode causar amputação

Nos casos onde a infecção causa mais danos, o osso para de receber sangue e morre. Se o dano foi causado em apenas pequenas partes do osso, elas podem ser removidas por meio de uma intervenção cirurgia, mas quando a área danificada é grande os médicos especialistas recomenda a amputação.

A amputação é a alternativa para evitar que a infecção se espalhe para outras partes do corpo.

Sintomas

Em alguns casos a doença não apresenta nenhum sintoma, ou até mesmo demonstra sinal que são difíceis de distinguir por serem parecidos com outros problemas de saúde.

osteomielite

No geral os sintomas da osteomielite, são:

  • Calafrios;
  • Dor na área da infecção;
  • Febre;
  • Irritabilidade ou letargia;
  • Inchaço na área da infecção;
  • Calor e rubor na área infectada.

Tratamento da Osteomielite

O tratamento difere de acordo com a causa da doença. O mais comum é que os médicos esperem por um período até que a infecção cesse sozinha, sem que haja necessidade de nenhum tipo de tratamento.

No caso de infecção bacteriana, o tratamento é feito com a manipulação de antibióticos. Em alguns casos é necessário remover o tecido ósseo morto, através de uma intervenção cirúrgica. Esses casos, no entanto, só acontecem caso a infecção seja severa. Um fator precisa observado caso a cirurgia seja necessária: pacientes com placas de metal próximo ao local da infecção precisarão removê-las.

Quando a infecção é causada por causa da circulação, o especialista pode optar por uma cirurgia para retirar a articulação e o tecido infectado. Nesses casos é possível que seja necessário fazer a implantação de uma prótese no local (isso na mesma operação).

Existem também medicamentos capazes de auxiliar no tratamento dos sintomas da doença, são eles: Clavulin, Levofloxacino, Bactrim, Alendronato de Sódio e Ceftriaxona Dissódica.

Dá para prevenir?

Infelizmente não existem estudos e pesquisas suficientes para formas de prevenção. Pelo que já foi testado, percebeu-se que não há maneira de prevenir a Osteomielite.

O que o indivíduo pode fazer é tentar evitar as principais causas da doença. Manter uma circulação sanguínea trabalhando corretamente, tomar cuidados para não sofrer nenhum tipo de contusão ou fratura exposta, além de prevenir as doenças que podem causar a osteomielite, são formas de tentar ficar fora do grupo de risco.

Também é importante ficar atento para não se cortar ou machucar, lavar imediatamente área feridas e aplicar curativo e em caso de percepção de sintomas de inflamação procurar ajuda de um médico imediatamente.

O que se pode fazer também é entrar em contato com um profissional de saúde assim que os sintomas aparecerem, para que seja feito o melhor tratamento possível.


Gostou desse artigo? Dê seu voto!

Péssimo! Não gostei de nada!Ruim!Gostei, ta na média!Muito bom!Excelente! (No Ratings Yet)
Loading...