Aprenda como fazer a Dieta Cetogênica


Antes de explicar o que de fato é dieta cetogênica, é importante entender o que é o estado de cetose do organismo, que nada mais é do que um mecanismo do organismo de obter energia de uma forma diferente da usual. O corpo começa a utilizar não mais glicose, mas sim os corpos cetônicos, que são moléculas produzidas pelo fígado quando há longos períodos sem a ingestão de alimentos, ou em dietas que apresentem pequena ingestão de carboidratos.

A maioria das pessoas sofrem diariamente para emagrecer 3 ou 4 quilos e, vivem numa briga constante com a balança. E se parar de lutar, com certeza ganhará os quilos de volta! São poucas as pessoas que conseguem comer de tudo e não ganhar um quilo sequer ou emagrecer com facilidade. E a genética nem sempre é a principal culpada por isso.

O problema, segundo descobertas recentes da ciência, pode estar na gordura, mas não no excesso. Por mais estranho que possa parecer, o problema pode estar na falta dela.  Isso mostra que o emagrecimento acontece muito mais em função da bioquímica do nosso organismo do que pela nossa força de vontade mesmo.

Funcionamento da Cetose

O mecanismo pode ser explicado em três passos simples:

  • Baixa de carboidratos e o corpo não consegue mais consumir glicose para gerar energia
  • O corpo então começa a procurar uma nova fonte para obtenção de energia
  • Dessa maneira, o fígado começa a quebrar ácidos graxos em corpos cetônicos.

O uso da dieta cetogênica começou para tratamento de pacientes com epilepsia e assim observaram perda de gordura. Isso fez com que a dieta cetogênica se popularizasse entre pessoas que não tinham a doença.


A dieta cetogênica é dividida de maneira a se ingerir uma quantidade baixíssima de carboidratos, uma quantidade média de proteína e uma grande quantidade de gordura.

  • 5% a 10% de carboidratos
  • 20% a 30% de proteínas
  • 65% a 75% de gorduras

Sendo assim, para iniciar uma dieta cetogênica o indivíduo deve começar fazendo um jejum de 24 hrs para iniciar o processo de cetose pelo organismo. A partir dai, ingerindo grande quantidade de gordura, o corpo permanece em estado de cetose, acelerando a perda de peso.

A dieta cetogênica funciona pelo simples fato do organismo parar de consumir glicose (já que a ingestão foi diminuída) para gerar energia e começa a realizar essa obtenção através da queima de gordura, que está armazenada também nas células do tecido adiposo. Com essa dieta é possível emagrecer até sem a ajuda de exercícios, já que o organismo trabalha por si só.

A gordura, sempre foi considerada a principal inimiga de quem quer emagrecer, entretanto, a gordura pode trazer inúmeros benefícios, como a estimulação de substancias antioxidantes e anti-inflamatórias no organismo. Essas gorduras ainda podem ajudar a controlar a vontade de ingerir doces, e é por isso que você pode comer abacate, castanhas e sementes de girassol sem problema algum.

Benefícios da dieta cetogênica

  • Queimar gordura se torna mais fácil: Quando o organismo fica em estado constante de cetose ele começa a se acostumar a queimar gordura para obter energia, dessa maneira esse processo se torna mais fácil.
  • Não compromete a massa muscular: Fornecendo a quantidade adequada de proteínas, e com a grande quantidade de corpos cetônicos na corrente sanguínea, o corpo não precisa mais queimar proteína para obter glicose, o que poupa a massa magra do organismo.
  • Diminui os níveis de insulina
  • Controla o apetite: com o alto nível de corpos cetônicos circulando pela corrente sanguínea o indivíduo começa a sentir menos vontade de comer.

Cardápio da dieta cetogênica

dieta cetogênica

Aqui segue uma sugestão de um cardápio simples de dieta cetogênica que pode ser seguido em casa com segurança, sem restringir extremamente os carboidratos, mas com uma porção bem maior de gordura.

  • Café da manhã: 1 copo (300 ml) de suco verde: bata 1 folha de couve orgânica com folhas de hortelã fresca, suco de 1 limão, 1 rodela de gengibre e 1/2 maçã + 2 ovos mexidos com 1 col.(sopa) de ghee (manteiga clarificada) + 1 xícara de café puro, batido com 1 col. (sopa) de óleo de coco ou com leite vegetal (coco, castanha-do-pará, castanha de caju).
  • Lanche da manhã: 20 g de oleaginosas (castanha-do-pará, castanha de caju, amêndoa, noz).
  • Almoço: 150 g de salmão ou frango (coxa e sobrecoxa), de preferência regada com azeite extra virgem mais vegetais com poucos carboidratos (baixo IG) à vontade (folhas verdes em geral, abobrinha, acelga, repolho roxo, berinjela, brócolis, chuchu, rabanete)
  • Lanche da tarde: 1 porção de fruta com pouco índice de carboidratos (baixo IG): maçã, morango, amora
  • Jantar: 1 filé de carne vermelha (contrafilé, picanha) grelhado, vegetais com baixo índice de carboidratos (baixo IG) à vontade, regados com azeite extra virgem.

Dicas para seguir com segurança um dieta cetogênica

É importante dizer que a dieta cetogênica possui alguns detalhes que devem ser levados em consideração para seguir com segurança e não sofrer com complicações.

  • Ultrapassar os primeiros dias: Nos primeiros dias podem ocorrer sintomas desagradáveis como fadiga e falta de ar. Esses sintomas passam quando o organismo começa a se acostumar com a quantidade de corpos cetônicos que estão sendo produzidos.
  • Retenção de líquido: Através da dieta cetogênica será possível diminuir a retenção de liquido no organismo, já que a grande maioria de água já é eliminada nos primeiros dias por conta da eliminação da agua retida para armazenamento do glicogênio.
  • Hidratação: É importante se manter bastante hidratado durante a dieta cetogênica.
  • Planejamento é essencial: Manter uma dieta cetogênica não é uma tarefa fácil. Comer na rua não será mais uma tarefa tão fácil, por isso, é importante manter em casa tudo o que será necessário para a sua alimentação. Nada pode atrapalhar e te tirar da dieta e eliminar todo o resultado que já foi conquistado.
  • Evite tentações: Não mantenha em casa alimentos que possam te tirar da dieta. Evite comprar e estocar alimentos como doces, pães, massas entre outros. Crie um dia do lixo depois que já estiver adaptado a dieta cetogênica, isso te permitirá escapar e comer um docinho de vez em quando.

A dieta cetogênica não é uma dieta simples e deve ser seguida corretamente. Se houver o acompanhamento por um profissional é ainda melhor. Realizar exames de sangue periodicamente também é importante. Respeite os limites do seu organismo.


Gostou desse artigo? Dê seu voto!

Péssimo! Não gostei de nada!Ruim!Gostei, ta na média!Muito bom!Excelente! (2 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...