Polaramine – Pra que serve? Como usar? Efeitos colaterais e Preço!


Os problemas de alergia são bastante comuns e podem afetar de maneira considerável a qualidade de vida das pessoas que sofrem com os diversos sintomas, atrapalhando tanto o trabalho quanto a vida pessoal. Além de tentar se evitar ao máximo o contato com os agentes causadores destas alergias, pode-se recorrer a diversos medicamentos no mercado que são indicados para ajudar a aliviar os sintomas destes processos alérgicos, melhorando bastante a qualidade de vida, entre eles o medicamento Polaramine.

O que é e para que serve polaramine?

Quando o sistema imunológico entra em contato com alguma substância que seja considerada estranha para o organismo, este reage através de um processo alérgico. Com o objetivo de combater o agente que provocou a alergia após o contato, o organismo irá produzir uma substância chamada de histamina, que gera uma série de sintomas bastante incômodos da alergia.

O Polaramine (maleato de dexclorfeniramina) é um medicamento da categoria anti-histamínico ou antialérgico e, por este motivo, ele ajuda na redução dos sintomas da alergia, prevenindo os efeitos da histamina. As substâncias mais comuns que causam este tipo de processo alérgico são os fungos, a poeira, o pólen, os produtos de limpeza, os pelos de animais, alguns medicamentos, as picadas de insetos, entre muitas outras.

Indicações

O Polaramine é um medicamento anti-histamínico e antialérgico, indicado para reduzir os sintomas das alergias como um todo, prevenindo os efeitos da histamina. Ele pode ser utilizado para os casos de rinite alérgica (aliviando os sintomas de coriza, de coceira nasal e nos olhos, de espirros), de urticárias, de picadas de insetos, podendo também ser usado para reduzir os sintomas de conjuntivite alérgica, da dermatite atópica (uma inflamação da pele) e outros tipos de dermatites.

O Polaramine creme possui alantoína que tem propriedades anti-inflamatórias e também cicatrizantes, sendo indicado principalmente para o alívio temporário do prurido, em função das irritações leves da pele, incluindo-se aquelas que estão associadas ao eritema solar, às picadas de insetos, às alergias, coceira e à urticária.

Contraindicações do polaramine

O Polaramine é contraindicado para pessoas que tenham alguma sensibilidade ou que já tiveram algum tipo de reação alérgica a qualquer um dos componentes da fórmula do produto ou a outros anti-histamínicos com estrutura química similar. Ele também não deve ser utilizado por pessoas que estejam tomando algum inibidor de monoaminoxidade (IMAO). Mulheres grávidas ou em amamentação não devem utilizar este medicamento sem acompanhamento médico.


Os produtos que contenham o maleato de dexclorfeniramina, como é o caso do Polaramine, têm ação parecida com a da atropina e, portanto, devem ser utilizados com cuidado por pessoas que tenham histórico de:

  • Asma brônquica
  • Pressão intraocular elevada
  • Hipertireoidismo
  • Doença cardiovascular
  • Hipertensão
  • Portadores de glaucoma de ângulo agudo
  • Úlcera péptica
  • Hipertrofia prostática, entre outros.

O Polaramine creme é contraindicado para crianças na faixa etária abaixo de 2 anos de idade, incluindo-se recém-nascidos e prematuros. Além disso, ele só deve ser aplicado externamente, não se devendo aplicar nos olhos ou em áreas extensas da pele, nem em áreas de pele onde haja a presença de bolhas, que não estejam íntegras ou que apresentem secreção, nem em mucosas ou órgãos genitais.

Efeitos colaterais do polaramine

Algumas reações adversas foram identificadas em grupos de estudo com o uso do medicamento Polaramine, tais como a presença de sonolência leve ou moderada, redução do estado de alerta, vertigem, pressão baixa, dor de cabeça, palpitação, erupções na pele, calafrios, fraqueza, azia, sensibilidade na pele quando exposta ao sol, aumento do suor no corpo, constipação, náusea, entre outros.

O Polaramine dá sono e, por este motivo, ele pode afetar o comportamento das pessoas. Portanto, não utilize este medicamento antes de realizar atividades que possam ser perigosas se você não estiver alerta, tais como operar máquinas ou dirigir veículos.

No caso de aparecimento de alguns destes ou de quaisquer outros sintomas com o uso do Polaramine, interrompa o uso do medicamento e procure imediatamente a orientação médica. Vale ressaltar que todo uso de medicamento deve ser prescrito pelo profissional da área médica apropriado. Não faça uso de remédios sem a orientação adequada.

Como usar polaramine

polaramine

O medicamento Polaramine pode ser encontrado em diversos formatos, tais como em comprimidos, em creme (pomada), xarope, entre outros. Para cada tipo de produto, leia corretamente as orientações de uso na bula, verificando-se também a idade do paciente, e nunca exceda a quantidade sem a orientação médica.

  • Polaramine creme: é indicado para uso na pele e é vendido em bisnagas de 30 g. Cada grama de Polaramine creme contém 10 mg de maleato de dexclorfeniramina, devendo ser aplicado sobre a área de pele afetada duas vezes ao dia.
  • Polaramine comprimido: a indicação do uso é de 1 comprimido revestido (de 2 mg) de 3 a 4 vezes por dia, para adultos e crianças acima de 12 anos. Não se deve exceder a dose máxima de 12 mg por dia (ou seja, 6 comprimidos por dia).
  • Polaramine xarope: é vendido em embalagens de 120 mL, onde cada 5 mL de produto contém 2 mg de maleato de dexclorfeniramina. Recomenda-se utilizar de 5 a 10 mL, de 3 a 4 vezes por dia, para adultos e crianças acima de 12 anos. Não se deve exceder a dose máxima de 40 mL por dia.

O alívio dos sintomas geralmente se inicia após 30 minutos da administração do medicamento (dependendo do formato e da dose utilizada) e este possui ação anti-histamínica mais prolongada com duração de até 48 horas.

Polaramine preço (polaramine genérico)

Os preços do medicamento Polaramine podem variar de uma farmácia para outra, porém é possível se encontrar o Polaramine (dose 2 mg com 20 comprimidos) a partir de R$ 17,00, o xarope com 120 mL a partir de R$ 26,00, e o medicamento creme, com 30 g, a partir de R$ 14,00.

Para quem busca uma versão mais barata, pode-se optar pelo genérico com princípio ativo de Maleato de Dexclorfeniramina (dose 2 mg com 20 comprimidos) a partir de R$ 6,00, o produto genérico em creme, com 30 g, a partir de R$ 9,00, e o xarope, com 120 mL, a partir de R$ 10,00.


Gostou desse artigo? Dê seu voto!

Péssimo! Não gostei de nada!Ruim!Gostei, ta na média!Muito bom!Excelente! (14 votes, average: 4,07 out of 5)
Loading...