Maca Peruana

Você pode achar o nome diferente, mas saiba que a maca peruana é bem conhecida por diversos fatores como: fortalecer o coração, evita a anemia, osteoporose, previne diabetes, aumenta a imunidade e apimenta o sexo.

História da Maca Peruana

Um tubérculo originário da Cordilheira dos Andes (que cresce nas altitudes do local, onde o ar é rarefeito) e semelhante a um rabanete, a maca peruana tem muitas propriedades, previne doenças e ajuda no processo de emagrecimento de maneira saudável.

Cientificamente conhecida como Lepidium Meyenii, também conhecida como Ginseng Peruano ou Maca Andina, o alimento era o segredo dos povos antigos dos Andes para alimentar os animais.

Com o passar dos anos, eles foram notando que os rebanhos resistiam mais as longas caminhadas, estavam aparentemente mais saudáveis e tinham uma fertilidade maior.

Pesquisas sobre a Maca Peruana

Com a evolução, cientistas logo descobriram que podiam extrair muitos benefícios do produto, principalmente pelo fato de ele aumentar a potência sexual. A fama de estimulante começou a circular rapidamente e até alguns, restrita na América do Sul, ganhou o mundo.


Alguns pesquisadores peruanos decidiram testar o alimento para terem certeza de sua popularidade. Reuniram homens adultos e deram diariamente três gramas da maca. Depois de oito semanas o resultado final foi que que não havia um efeito direto no hormônio sexual masculino, porém melhorava o desejo de maneira geral, acentuando melhor a vida ativa dos parceiros.

A pesquisa mostrou que houve um aumento do sêmen na contagem dos espermas, melhor mobilidade e efeito direto na fertilidade. O resultado foi também diversas reduções: de estresse, ansiedade, cansaços físicos e mental.

Em resumo, além de ser uma erva de excelente propriedade a maca peruana é afrodisíaca e trabalha no aumento da libido sexual.

Benefícios da Maca Peruana

Além de aumentar o apetite sexual, a maca peruana contribui diretamente na dieta de quem deseja emagrecer naturalmente e com saúde. Contém carboidratos de baixo índice glicêmico e muitas fibras, o que ajuda na sensação de saciedade, diminuindo a vontade de comer.

Rica em vitaminas A, C, D, E e complexo B, também tem muitos minerais como cálcio, ferro e zinco, nutrientes importantíssimos para uma alimentação mais saudável. Se aliada com um cardápio variado e exercícios físicos diários, a maca peruana é a solução de diversos problemas.

maca peruana

Para as mulheres, os benefícios também são altos:

  • Aumenta a libido – principalmente nas mulheres em pós-menopausa;
  • Aumenta a fertilidade;
  • Reduz a fadiga diária;
  • Melhora o humor;
  • Alivia os sintomas da TPM, menopausa, estresse e depressão;
  • Diminui o cansaço físico e mental;
  • Ótima como repositor hormonal;
  • E é rejuvenescedor devido as propriedades antioxidantes.

A longo prazo, a maca peruana também faz sucesso e traz diversos benefícios como:

Fortalece o coração: evita problemas cardiovasculares, regulariza os níveis de colesterol, combate o colesterol ruim (LDL) e aumenta os níveis de colesterol bom (HDL), ou seja, atua no controle de gorduras no sangue. Tudo isso devido à alta concentração de ômega-3.

Evita anemia e osteoporose: a quantidade de ferro encontrada na maca peruana contribui para o combate da anemia e por conter mais cálcio que o leite, ajuda a exterminar a osteoporose. Uma dose de 100 gramas de farinha do tubérculo, por exemplo, contém 16,6 miligramas de ferro.

Esquenta a libido: devido ao efeito afrodisíaco, a maca peruana aumenta a produção de sêmen nos homens, diminuiu o estresse e aumenta a libido da mulher.

Aumenta a imunidade e reduz os riscos de diabetes: ao diminuir a velocidade da absorção de glicose, por causa das fibras, a maca peruana previne a diabete. O poder de cicatrização também se torna maior, pois ela fortalece a imunidade.

A maca peruana só traz benefícios?

Se consumida moderadamente sim. Caso contrário é possível encontrar diversos problemas com a maca peruana. É preciso estar de olho nos efeitos colaterais, entre eles a alta concentração de iodo. Importante para o organismo, mas doses elevadas de iodo podem desregular a tireoide. Quem já sofre com problemas relacionados a ela devem se informar com seu endocrinologista se é aconselhável inserir a maca peruana na dieta.

Também é bom ressaltar que algumas pessoas podem sofrer reações alérgicas ao consumir a erva e ter um aumento da testosterona. Para os homens isso não é um problema, mas é possível que as mulheres passem a ter alterações hormonais.

Entre as alterações mais indesejadas podemos listas:

  • Engrossamento da voz;
  • Aumento de pelos faciais;
  • Alterações na forma do corpo;
  • Câncer de mama, útero e testículos;
  • Calvície masculina;
  • Diversas alterações no humor, crises de ansiedade e raiva excessiva em ambos os sexos;
  • Problema de pele como espinhas e acnes, devido à alta atividade hormonal;
  • Menstruação desregulada e calor súbito;
  • Em excesso também pode acarretar náuseas, azia e dores no estômago;
  • Dores de cabeça que aumentam com frequência e gradativamente;
  • Insônia;
  • Aumento da frequência cardíaca, por causa do estimulante. Nesse caso se você já apresenta alguma disfunção consulte seu especialista e só insira a maca peruana no seu dia a dia se ele permitir.
  • E ao invés de contribuir para a diminuição do peso, pode ter efeito ao contrário.

Receita com Maca peruana

Se você decidiu levar uma vida saudável, saiba que é possível não consumi-la em excesso e aproveitar os seus benefícios. Separamos um cardápio variado e que irá acrescentar a maca peruana de forma moderada. Essa é uma dieta de 1400 calorias e te ajudará a combater o inchaço, saciar a fome e fazer com que perca 5 quilos em 30 dias. Então anote o que irá precisar:

Para o café da manhã:

  • 200 ml de leite desnatado com café e adoçante;
  • 2 fatias de pão integral com 1 fatia de queijo banco;
  • 1 fruta – ½ mamão papaya ou 1 fatia de melão.

Lanche

  • 1 potinho de iogurte light ou 200 ml de vitaminas de frutas;
  • + uma colher de chá de farinha da maca peruana.

Almoço

  • 1 tomate;
  • 1 prato de sobremesa com salada de folhas verdes;
  • 3 colheres de sopa de arroz integral;
  • 1 filé de frango grelhado;
  • 2 galhinhos de brócolis refogado;
  • 1 maçã ou laranja de sobremesa.

Lanche da tarde

  • 200 ml de suco natural ou um potinho de iogurte desnatado
  • + uma colher de chá de farinha da maca peruana.

Jantar

  • 1 prato de sobremesa com salada de folhas verdes;
  • Beterraba, cenoura ou vagem refogada;
  • 3 colheres de arroz integral;
  • 2 ovos mexidos;
  • 2 fatias de abacaxi de sobremesa.

Para a ceia

  • 2 torradas integrais com 1 queijo polenguinho light.

Se consumida moderadamente você pode aproveitar os múltiplos benefícios da maca peruana. Aproveite para conciliar a dieta com exercícios físicos!